Hora do passeio! Eu e Papai.

Veja algumas dicas para os papais levarem o bebê para passear e darem uma folguinha para as mamães

publicidade

Passar a fazer parte do universo das mamães é algo maravilhoso e muito esperado na vida de uma mulher. Gerar uma nova vida, transbordar um amor inexplicável. Sensações, sonhos, planos, um turbilhão de novas emoções para administrar dentro do peito.

A gente sabe que uma nova mamãe se depara pela frente com inúmeros desafios, definitivamente uma mulher carrega dentro dela pelo menos umas dez de si mesma, só assim para dar conta de tantos afazeres e de uma rotina tão intensa.

Bom, mamães, pensando nessa correria que vocês enfrentam no dia a dia, em como se empenham para ser cada vez mais sua melhor versão, hoje nossa conversa é com vocês e principalmente com os papais de plantão. A gente sabe o quanto o pai tem papel fundamental nessa nova fase que vocês estão descobrindo juntos e mais do que uma “ajudinha”, cada vez mais nos desprendemos daquele pensamento antiquado de que o pai desempenha apenas um papel secundário nos cuidados pós-gestação.

Sim, os novos tempos bateram com força à nossa porta e nos fizeram enxergar que os pais também são peças fundamentais nessa nova etapa. Nada de “dar uma mãozinha”, o que a gente quer e espera mesmo é que nossos companheiros sejam presentes, nos acompanhem, se prontifiquem a fazer, se colocar à frente das situações, pegar no colo em uma madrugada de cólica, colocar para arrotar, dar papinha, se dividir com a mamãe entre as trocas de fralda, tomar para si as mesmas responsabilidades que a mulher busca cumprir.

Pensando nisso, hoje trouxemos para vocês algumas dicas para que os papais possam seguir com o intuito de aliviar a rotina da mamãe. A gente sabe que por mais que o pai seja super parceiro e realmente divida todas as tarefas com a mãe, o papel materno sempre é mais complexo. Dar de mamar, oferecer aquele colo, que para o bebê é insubstituível, zelar seu sono, mil e uma tarefas, tudo isso tentando conciliar da melhor forma possível todas aquelas atividades que já faziam parte da sua rotina. Ufa...é uma canseira, né?

Então papais, que tal traçar um plano infalível para deixar as mamães felizes? Pegue a carteira, a chave do carro, a mamadeira, a fralda, o talquinho ... calma, a gente vai te ajudar e te oferecer um belo suporte para você tirar um dia ou quem sabe umas horinhas para levar seu bebê para passear e deixar a mamãe curtir um pouquinho o tempinho de folga para fazer algumas coisas que ela goste.

Vale lembrar que esse dia de folga que o papai está planejando dar para a mamãe não tem validade se o local escolhido for a casa das avós, heim?

Veja algumas dicas de locais que vocês poderão curtir:

1. Dia de sol - Praça, parque, zoológico, mesmo que o bebê ainda não ande, o contato com a natureza o fará muito bem. Barulho e brincadeira com outras crianças de idades diferentes, animais, objetos, isso é muito importante. Passeios na natureza também trazem benefício ao sistema imunológico pois o bebê terá contato com areia, grama, etc.


2. Dia de chuva – Que tal visitar algum aquário ou teatro? Hoje em dia também existem vários espaços para brincar como algumas casas recreativas, que contam com todo tipo de atividade.

Decidido o local de passeio, trouxemos para vocês uma relação de coisas bem necessárias para você levar na bolsa do bebê e evitar qualquer tipo de contratempo em um passeio. Caso o papai vá realmente passar parte do dia fora de casa, só ele e o filhote, fique tranquilo que a lista está bem completinha. Agora, seja um passeio rapidinho, de apenas algumas horinhas, nossa dica é que você dê uma checada em nossos itens e leve com vocês apenas o que for essencial. Preparados para anotar aí na sua listinha? Então vamos lá!

Para a higiene:

  • 3 fraldas descartáveis
  • 1 tubo de pomada para assaduras
  • 1 embalagem de lenços umedecidos
  • 1  tubinho de álcool gel 
  • Trocador portátil
  • 1 cueiro

Roupas/agasalhos:

  • 1 ou 2 mudas extras de roupa
  • 1 casaquinho
  • Acessórios extras: 1 par de meia, 1 meia calça, 1  babador de pano, 1 gorro/luvinha (se necessário), …
  • Mantinha ou fraldinha para cobrir o bebê

Alimentação:

  • Mamadeira (se a mamãe não estiver mais amamentando)
  • 1 Fraldinha de boca
  • Papinha ou frutinha (se for feita uma refeição fora de casa)
  • Colher para a papinha ou frutinha
  • 1 babador plastificado impermeável para usar na hora da papinha/frutinha

 Outros:

  • Objeto que o bebê costuma usar para dormir (fraldinha, ursinho)
  • Uma chupeta extra (caso o bebê use)
  • 3 opções de brinquedos
  • Medicamentos de uso contínuo (caso o bebê faça uso)
  • Documento do bebê
Coisinhas extras para se carregar (caso seu bebê esteja com um resfriado):
  • Antitérmico
  • Soro para lavar o nariz
  • Lenço de papel para limpar o nariz
  • Termômetro
  • Outros medicamentos prescritos pelo médico

No bolso da frente coloque fraldas descartáveis, pomada, lenço umedecido e objetos menores como pente, perfuminho, entre outros objetos. No bolso principal coloque o trocador, fraldas de pano e ao lado deles, o lanche. No espaço que sobra em cima, use para colocar, por exemplo, o recipiente com o leite. Aproveite os bolsinhos das laterais para colocar o copo de água ou a mamadeira e as chupetas, caso o bebê use. 

É isso aí, essas foram as nossas dicas de hoje. Esperamos que vocês tenham gostado e que possam aproveitar cada uma delas. Papais, façam um excelente passeio. Quanto a vocês, mamães, aproveite o dia para ir ao salão, fazer as unhas, arrumar o cabelo e ter aquele maravilhoso dia de beleza ou quem sabe até visitar uma amiga, passear no shopping ou assistir aquela série que só você gosta, aproveitando o silêncio de casa, acompanhada de uma deliciosa pipoca. A escolha é sua!


Lorene Lima

publicidade
publicidade